• Cabeçalho

PROGRAMA DE INTERVENÇÃO TERAPÊUTICA: ESTIMULAÇÃO MOTORA – EM MOVIMENTO

As pessoas idosas com doença mental são maioritariamente pessoas frágeis e em situação de dependência. Por esses motivos requerem uma particular atenção, em termos de organização de cuidados, de controlo e de recuperação global, através de respostas integradas e culturalmente adequadas.

O programa “Em Movimento” baseia-se nos princípios da Psicomotricidade que é sustentada por três conhecimentos básicos: o movimento, o intelecto e o afecto. Trata-se de uma concepção de movimento organizado e integrado, em função das experiências vividas pelo sujeito cuja acção é resultante da sua individualidade, sua linguagem e sua socialização. A intervenção realiza-se através de uma dinamização corporal holística que utiliza exercícios, jogos e situações relacionais.

Cada atividade terá a respetiva planificação tendo objetivos exequíveis e possíveis de ser avaliados. Para cada atividade será construída uma grelha de avaliação numérica para uma fácil avaliação do desempenho das pessoas assistidas, e possibilitando uma posterior reavaliação. Desta forma, será possível realizar uma reavaliação das atividades e interpretar os resultados, procurando melhorias nas capacidades das pessoas assistidas.  
O programa Em Movimento tem como objetivos:

  • Promover o bem-estar físico e mental;
  • Fortalecer a interação social e grupal.
  • Estimular as capacidades biológicas básicas: força, resistência, flexibilidade e velocidade de reação;
  • Estimular a atividade psicomotora: coordenação temporo-espacial, perceção, equilíbrio estático e dinâmico.

Para implementação do programa são realizadas duas sessões semanais (terças e quintas) com a duração de 30 a 60 minutos.

A avaliação é realizada antes e após a implementação do Programa com recurso às escalas: Índice de Barthel e Escala de Downton.

 



© Copyright 2020, Irmãs Hospitaleiras. Todos os direitos reservados.